terça-feira, 4 de novembro de 2014

Trabalho voluntário

Fotos e matéria base: Marília Cabral

        Dia 2 de novembro comemora-se o Dia de Finados, data em que muitos prestam homenagens aos parentes e amigos que já passaram para o outro Plano; e nos dias em que antecedem esta data é comum familiares realizarem a manutenção dos túmulos de seus parentes. Há inclusive algumas pessoas que aproveitam este período para ganhar um dinheiro extra, realizando serviços de pintura, reforma e limpeza das sepulturas.


         Mas em Alfenas MG, a atitude de um senhor chamou a atenção de quem visitava o cemitério. Luiz Roberto do Nascimento (conhecido por Baba) e seus netos Ander Tiker e Justriany pintavam voluntariamente os jazigos abandonados.
         Sr Baba já realiza este belo gesto há quase 50 anos, e este ano contaram com a ajuda de uma farmácia e uma casa de tintas para a compra das tintas.
Parabenizamos o Sr Luiz Roberto e de seus netos por dedicarem parte de seu tempo a este trabalho voluntário.




quarta-feira, 16 de julho de 2014

E a placa sempre 2424!


Mais um causo do Antônio Nacle Gannam, nosso conterrante de São Lourenço, um dos maiores fãs de nossa querida Alfenas!



O Número da Placa

Em 1975 entrei na EFOA. Tive vários mestres, não me lembro de todos. Alguns me marcaram...
Anthelmo, Anatomia Dental. Tínhamos que esculpir os dentes em uns bloquinhos de cera. Era terrível! Certa vez disse que puxaria fumo na aula dele. Todos duvidaram, fui no mercado, comprei um pedaço de fumo de rolo e amarrarei num barbante. Aula no anfiteatro da anatomia, cheguei um pouco atrasado puxando o fumo pelo barbante. Gargalhada geral nem o seríssimo Anthelmo aguentou, caiu em cólicas de risos.
João Teixeira, Prótese, não era ferrador, muito pelo contrário. Certa vez lhe levei uma cachaça chamada : "Cura Veado", educadamente aceitou e sei que a guardou com muito carinho por longos anos, visto que não precisava de tomá-la.
Agora ferrador era o tal do Helinho, Odontologia Social. Uma matéria que era só decoreba, e ele exigia. Lembro-me que minha grande amiga e colega "Rita Sorriso" possuía uma apostila mimeografada, de segunda mão, da referida matéria. Na contra capa estava manuscrita a poesia Pásargada (Manuel Bandeira). Foi aos meus 22 anos que tive meu primeiro contato com essa poesia. Ser amigo do rei e ter a mulher que queria na cama que escolhesse, além de me fascinar, me deixava um pouco excitado, ah juventude e inocência! Mas isso deixa pra lá ... Mas o Helinho tinha um fusca branco, cuja placa era KL ou KM 2424. Na época, 1977, ter um carro com essa placa era muita ousadia...Fiquei com isso na cabeça.
Em 1991 compramos uma Parati verde, colocamos um adesivo que dizia: "Conheça o lado selvagem da vida, tenha filhos", nossos eram pequenos e como davam trabalho! E me lembrando do saudoso professor de Odontologia Social resolvi ousar também : coloquei a placa número 2424, as letras não lembro. Fora alguns comentários irônicos, não tive nenhum problema, há não ser na hora de vendê-la. Até achar alguém que tivesse a mesma dose de ousadia minha demorou e demorou... Mas vendi e prometi que nunca mais queria uma placa dessas.
Os anos se passaram, este ano comprei uma Saveiro, mandei emplacar, qual não foi meu espanto, o número que veio: PUE 2424!!!!!!! Imediatamente liguei pro despachante que calmamente me falou: -"Você deu foi sorte, a outra era HIV 2424, eu que fiz trocarem....




domingo, 8 de junho de 2014

O nome da égua


Hoje vou postar uma linda homenagem de um ex-estudante de Odontologia, morador de São Lourenço (MG). Antonio Nacle Gannam tornou-se um apaixonado por nossa Alfenas e nós o elegemos nosso conterrante! Salve salve Gannam!


O NOME DA ÉGUA É...


Em 2000 comprei um sítio. Era tão distante e isolado que andava por lá nu, mas de botas, morro de medo de cobras. Ninguém " passava por lá", era tão difícil de chegar que a pessoa tinha de ir lá. Só porteiras eram 6, das quais 2 com cadeado.
Quis ter um cavalo. Fui no vizinho e comprei um. Chamava Ferrugem, nunca vi cavalo tão "bardoso", saía pra cavalgar, de repente ele resolvia voltar, coice dava até na sombra, passarinho não podia passar na frente dele, enfim, era muito ruim. desiludido, resolvi procurar alguém que pudesse me oferecer um produto melhor. Depois de muito procurar cheguei em um criador que muito entendia de cavalos. Expliquei pra ele o que estava passando. Falei que queria um animal barato, dócil, etc. Semanas depois me telefonou. Havia achado uma égua que servia pra mim. Marcamos o dia pra vê-la. Chegando lá começou aquela conversa, é mansa, animal pra criança, e passa embaixo da égua, puxa o rabo, monta, toma cachaça debaixo dela, realmente uma égua muito mansa. Servia pra mim. Agora o principal: o preço. Dez vezes o preço do Ferrugem! Quase morri! E começa a pechinchar daqui, negociar dali, mas preço realmente não tava pra mim. Me despedi e fui saindo. Ouvi o criador me chamando:   Dizia: - vc não sabe o nome dela, se souber vc compra!                       No que respondi:- Qual?
-ALFENAS!!!!!!!                                                                                                      Não resisti, esqueci o preço e disse: - é minha! 
Não me arrependo, realmente é uma boa égua. A tenho até hoje. Fiz uma grande amizade com o criador, já tomamos muitas juntos, sempre que toco no assunto ele sorri meio matreiro... Nunca descobri se a égua se chamava mesmo Alfenas, se foi uma conversa de vendedor, visto que era sabedor da minha paixão por aquela cidade.
Na foto eu e a Alfenas.

sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

Homenagem à Mério Rodrigues Alves

Texto de Alcione Oliveira e desenho de Milton Kennedy

Mério Rodrigues Alves Vida Viva


"Alfenas amanheceu de luto... Partiu senhor Mério!
Deixa agora os alfenenses para continuar o seu trabalho maravilhoso do outro lado da vida.
Seu trabalho não pode parar...Colônias Espirituais o aguardam para com sua alegria, bom ânimo e luta incessante, ajudar no alívio de muitas dores.
Seu semblante calmo e tranquilo é prova de que por aqui o seu dever foi cumprido.
Seu nome fica registrado na história de alfenas e em nossos corações.
Vai senhor Mério, sua luz é intensa, ilumine outros mundos... Brilhe eternamente!
O senhor será sempre "Vida Viva" em nossos corações e por toda a eternidade, um viva à sua vida!
Que o meu carinho o acompanhe nessa nova jornada!"



Mério Rodrigues Alves foi fundador e presidente da Associação dos voluntários Vida Viva, entidade de apoio a pacientes com câncer, que oferece estrutura para projetos de assistência gratuita aos portadores do câncer de Alfenas e região.
Quer colaborar com a entidade (ou pedir ajuda)? Acesse o site da Vida Viva e saiba como: http://www.vidavivaalfenas.org.br

sábado, 14 de dezembro de 2013

Unifal tem aprovado seu curso de Medicina

Alfenas News traz esta excelente notícia em seu site hoje!



MEC AUTORIZA FUNCIONAMENTO DO CURSO DE

 MEDICINA NA UNIFAL-MG 

  • Sábado, Dez 14 2013

MEC autoriza funcionamento do curso de Medicina na UNIFAL-MG
Universidade oferecerá 60 vagas a partir do primeiro semestre de 2014

O Ministério da Educação (MEC) autorizou por meio da Portaria 654, de 11/12/2013, publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira, 12/12/2013, a abertura de 560 novas vagas para cursos de Medicina em sete universidades federais do Brasil. A UNIFAL-MG foi contemplada com 60 vagas.
Comentando sobre o que representa o início das atividades do curso na Instituição, o reitor, Prof. Paulo Márcio de Faria e Silva, ressaltou: “A autorização para funcionamento do curso de Medicina da UNIFAL-MG representa a consolidação da atuação da Universidade na área da saúde, uma vez que a Instituição já é uma referência no ensino de outros cursos da área, tais como Enfermagem, Farmácia, Odontologia e Nutrição.”
O curso, que terá início no primeiro semestre de 2014, será implantado em Alfenas e por meio de parcerias, contará com atividades práticas nas unidades de saúde de Alfenas e Varginha.
Assim como para os demais cursos de graduação oferecidos pela UNIFAL-MG, também a forma de ingresso no curso de Medicina será via Sistema de Seleção Unificada – SiSU, no qual é utilizada a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), obtida pelos candidatos que realizaram a prova em 2013.
Fonte: UNIFAL
Informações: Ana Carolina Araújo - jornalista da Assessoria de Comunicação Social da UNIFAL-MG

sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

3º Encontro do Alfenas é Coisa Nossa!

E vem aí o 3º Encontro do Alfenas é Coisa Nossa!
Esse ano o evento será junto com o 10º Encontro dos Músicos de Alfenas e Região.

Data: 22/12

Horário: a partir das 18:00 horas
Local: Cafezal em Flor (estrada para a Harmonia - 
final da Av. Governador Valadares, 500 metros, à esquerda).
Preço: a resolver: entre 10 e 30 reais (conforme link da festa)

Esse ano com a presença do guitarrista Toninho Horta! 

Decidimos fazer nosso encontro junto com o dos Músicos pra não dividir o pessoal.
Nosso querido amigo Tulio Faria deu a sugestão de fazermos camisetas pra podermos identificar melhor as pessoas do nosso grupo, o que é uma ótima ideia!! Posso ver o preço e colocar aqui.
Os detalhes colocarei aqui à medida que tiver maiores informações.

Gostaria que cada um de vocês fizesse o máximo esforço para comparecer... é tão bom quando a gente se reúne!!
Grande abraço a todos!!

segunda-feira, 11 de novembro de 2013

Milton Nascimento

Bom dia meus queridos! Nas fotos de Bonifácio Cabral duas lendas da música popular brasileira: Wagner Tiso e Milton Nascimento! Muito nos honra que suas carreiras  tenham começado em Alfenas. Por longo período eles atuaram com bandas daqui viajando por toda a região. Saravá Milton e Wagner! Alfenas dá sorte aos artistas, pois ainda são coisa nossa Rogério Flauzino, Wilson Sideral e Landau! Ainda muitos famosos que passaram pelos palcos de nossa cidade quando aqui estudaram! 


Milton Nascimento - Alfenas

Milton Nascimento - Alfenas

Milton Nascimento - Alfenas

Milton Nascimento - Alfenas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...